sábado, 10 de setembro de 2011

Como fazer o motor de uma cb parte 5

Trocando os Retentores das Válvulas da CB Limpando os Cilindros e a Parte de Baixo do Motor Remontagem dos Pistões


Em cima no guia da válvula um retentor vai colocado. Na foto 2  o retentor da guia foi removido e um retentor novo está pronto para ser montado, enquanto o retentor da guia em baixo está gasto:
image001b.jpg (535×405)
Note a diferença na textura entre o retentor novo (na direita) e um velho (na esquerda). O retentor novo está elástica enquanto o retentor velho está gasto e ressecado.image002b.jpg (535×405)

Limpando os Cilindros e a Parte de Baixo do Motor.
Aqui finalmente o carter posicionado no quadro da moto.
O cilindro deve se posicionar em cima e sobre ele o cabeçote e sua tampa.
image003b.jpg (535×405)
Antes de remontar os pistões e o cilindro, é necessário limpar perfeitamente a parte da junta para evitar vazamentos.
image004b.jpg (535×405)
Limpando:
image005b.jpg (535×405)
Acoplamento limpo:
image006b.jpg (535×405)
Note a presença de 2 bielas (que são os elementos que conectam os pistões ao virabrequim), e da corrente da distribuição que são conectadas dentro do cárter com o virabrequim e que subirá até o cabeçote para se conectar no eixo de comando.
Você pode também ver o virabrequim na base das duas bielas.

image006b.jpg (535×405)

Remontagem dos Pistões.
Agora é necessário remontar os pistões nas bielas.
Esta operação requer antes:
  • A limpeza (ou troca) dos pistões e dos anéis.
  • A instalação dos anéis como se vê a seguir.
  • O sistema de afastamento da lâmina dos segmentos.
    Os anéis são os semi-círculos com a finalidade de encher o jogo entre o pistão e o cilindro, e para assegurar assim a vedação.
    Nestes pistões 5 anéis são colocados:
  • Um anel de fogo que é colocado na parte superior e tolera a alta temperatura.
  • Um anel vedante: para assegurar um boa vedação.
  • Um raspador do óleo composto de três partes
  • image008b.jpg (535×405)
  • Como cada um destes anéis é "aberto" (para poder abri-los e os colocar nos pistões), é necessário seguir ao sistema de afastamento das aberturas dos anéis, em outras palavras para não pôr as aberturas dos anéis alinhadas, mas de 120° deslocando esses dos outros.
    Assim, se um infiltração de gás no nível mais elevado ou de óleo no nível mais baixo, ocorrer, terá mais facilidade de ser propagado nos outros níveis.

    image009b.jpg (535×405)
    Uma vez estas operações realizadas, uma começam lubrificando o pino central dos pistões:
    image010b.jpg (535×405)
    Monta-se então, usando o pino central, o pistão em sua biela, coloca-se na extremidade os grampos de retenção do pino central que fazem com que eles não saia.
    Pode-se observar na figura seguinte os grampos de retenção bem como os 5 anéis.

    image011b.jpg (535×405)
    Vista dos pistões montados:.
    image012b.jpg (535×405)

    Nenhum comentário:

    Postar um comentário

    Postar um comentário